Faça do Brasileiros na Holanda a sua página inicial
Anuncie Aqui Anuncie Aqui
logo banner
 Clima   Traffic  moeda positivo Como anunciar
setinha Aprenda Holandês
setinha Classificados
setinha Como chegar
setinha Entrevistas
setinha Ferias escolares
setinha Forum de discussão
setinha Indique o site
setinha Integração Civil
setinha Livro de visitas
setinha Missas em português
setinha Promoções telefônicas
setinha Revista
setinha Turismo
setinha Viagem de menores
setinha Vídeos
Press award

COLUNAS
Clarissa Mattos - - Baiana de Salvador, administradora de empresas e pós-graduada em Marketing e E-Business, nos últimos anos tem atuado nas áreas de comunicação e marketing. Hoje mora em De Bilt e, além de música, cinema, literatura e fotografia, adora conhecer novas pessoas, lugares e culturas.
 
Até que nem tão holandesa assim
 
Data: 03/01/2008
 

Foi com muito oliebollen, champagne e bons amigos que entrei 2008. Não vesti branco, não pulei sete ondas, não comi lentilhas e nada que manda a boa tradição e superstição brasileira. Se o ano que entra for igual a minha noite, será de muita tranquilidade, mesa farta e boa prosa. Para mim, nada mal.

Além de beber um bom vinho, comer muito e soltar o verbo em holandês - exatamente nesta ordem porque o bom vinho favorece à fluência em todos os sentidos - jogamos pictionary ou em bom português Imagem & Ação. Imaginem, eu jogando isso em holandês. Vocês podem imaginar as cenas hilárias!

Pra seguir a tradição holandesa, os fogos de artifício estavam por toda parte, assim como a fumaceira posterior. Só não fui dar o mergulho em Schevenignen, o famoso Nieuwjaarsduik ou mergulho do Ano Novo, quando milhares de loucos desvairados saem correndo e mergulham no mar de Schevenignen. Aí amigos, já é um pouquinho demais. Não há coisa nesse mundo que me faça mergulhar nesta água gelada, nem agora nem daqui a mil anos. Deixo isso para os holandeses, porque bailandesa escaldada tem medo de água fria.

E pra 2008, o que eu desejo é que os afortunados se iluminem e ajudem a fazer brilhar as estrelinhas que andam apagadas pelo mundo afora.

Share
 
Comente a coluna
Comentários


Relacionadas:

 

Siga-nos Facebook Twitter Orkut
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
Revista:
revista

Video:


 
Importante: Todas as colunas são de única e exclusiva responsabilidade dos seus autores, não refletindo a opinião dos mantenedores deste portal.
setas
Site criado e mantido por Marcia Curvo.Todos os direitos reservados. Reprodução proibida ©2010.
Para anúncios ou sugestões entre em contato conosco por e-mail.
Telefone: (31) (0)6 18 200 641