Faça do Brasileiros na Holanda a sua página inicial
Anuncie Aqui Anuncie Aqui
logo banner
 Clima   Traffic  moeda positivo Como anunciar
setinha Aprenda Holandês
setinha Classificados
setinha Como chegar
setinha Entrevistas
setinha Ferias escolares
setinha Forum de discussão
setinha Indique o site
setinha Integração Civil
setinha Livro de visitas
setinha Missas em português
setinha Promoções telefônicas
setinha Revista
setinha Turismo
setinha Viagem de menores
setinha Vídeos
Press award

COLUNAS
Leila Daufenbach - é formada em Letras, reside na Holanda desde 2005.
 
Juventude e Família: Tome uma atitude quando houver suspeita de abuso infantil
 
Data: 29/09/2010
 

Suspeita de abuso infantil na maioria dos casos com razão

De seis entre dez pessoas que  suspeitaram  de abuso infantil no seu ambiente, foi constatado que  o abuso realmente aconteceu. Isso foi comprovado através de uma Pesquisa feita pela "Moctivation", a pedido do Ministério da Juventude e Família.

As pessoas que suspeitam de algum abuso querem primeiramente  confirmar  se a suspeita é realmente verídica antes de fazerem alguma denúncia. Apenas 6% das pessoas que suspeitam de algum abuso não tomam nenhuma  atitude. "Uma suspeita de abuso geralmente aparece cercada de  sentimentos de dúvida e  incerteza. Dúvidas são muito normais nestes casos. No entanto é em prol da criança que, mesmo tendo dúvidas, seja feito contato com  o centro de denúncia de abuso infantil (AMK)", declara a ministro.

O problema relacionado ao abuso Infantil é na Holanda ainda substimado. Estima-se que por ano 107.000 crianças sofrem abuso.

Foi concluído, através dessa pesquisa que em média 52.000 crianças são vítimas de abuso. Segundo o Ministro Rouvoet "Isso significa que grande parte dos casos acontecem sem ninguém perceber,  nós temos que estar alertas e reagir mais rápido quando haja suspeita".

Sinais de Abuso

Os principais  sinais de abuso infantil são facilmente reconhecidos, principalmente sinais físicos como um hematoma e outras lesões corporais. Muitas pessoas reconhecem   crianças  com comportamentos suspeitos,  que podem ser consequência de abuso , como  medo e crianças muito retraídas. Esses comportamentos podem também ser consequência de abuso psíquico e negligência, que acontece com mais frequência que o abuso físico.  Através da pesquisa foi constatado que muitas pessoas tomam uma atitude quando há suspeita: 40% falam a respeito com profissionais, 37% entram em contato com o  "Centro de Denúncia e Conselho" e 31% fala a respeito com familiares e amigos.

Pesquisa sobre Abuso Infantil

Na Holanda é estimado que anualmente  107.000 crianças são vítimas de maltratos.  Dentre estas, nem mesmo a metade dos casos é denunciado. A outra metade é invisível. Essa pesquisa foi feita com o intuito de saber sobre a percepção das pessoas a respeito  do  abuso infantil e registros que são feitos. Até onde os cidadãos holandeses estão a par  do abuso Infantil? Estão os cidadãos preparados para agir quando houver suspeita de abuso?  Quais motivos e obstáculos fazem  levar à denúncia? Alguns resultados são:

- A maioria das pessoas pensam que Abuso Infantil pode acontecer sim na sua vizinhança, mas "quanto mais perto de casa", a chance é menor. Dentro da família essa estatística diminiu para 2%, entre amigos 4% e entre vizinhos 14%.  Abuso Infantil é algo considerado pela maioria das pessoas  algo que ocorre "longe da nossa casa", enquanto na realidade não é bem assim. Abuso Infantil pode acontecer em qualquer lugar.

- Os cidadãos holandeses sabem,  em geral, reconhecer os sinais de Abuso Infantil. Mesmo assim a maioria das pessoas fica um tempo observando a situação antes de fazer a denúncia. As pessoas tem dúvidas ou se sentem inseguras quanto a fazer uma denúncia.

- Na maioria dos casos as suspeitas se confirmam. Isso não se confirma apenas por essa pesquisa: 57% dos casos são  confirmados e em  30% ficaram algumas dúvidas. Então, quando houver dúvidas, aja! Quando houver suspeita o melhor a se fazer é tomar uma atitude. Mais informações : watkanikdoen.nl

Share
 
Comente a coluna
Comentários


Relacionadas:

 

Siga-nos Facebook Twitter Orkut
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
Revista:
revista

Video:


 
Importante: Todas as colunas são de única e exclusiva responsabilidade dos seus autores, não refletindo a opinião dos mantenedores deste portal.
setas
Site criado e mantido por Marcia Curvo.Todos os direitos reservados. Reprodução proibida ©2010.
Para anúncios ou sugestões entre em contato conosco por e-mail.
Telefone: (31) (0)6 18 200 641