Faça do Brasileiros na Holanda a sua página inicial
Anuncie Aqui Anuncie Aqui
logo banner
 Clima   Traffic  moeda positivo Como anunciar
setinha Aprenda Holandês
setinha Classificados
setinha Como chegar
setinha Entrevistas
setinha Ferias escolares
setinha Forum de discussão
setinha Indique o site
setinha Integração Civil
setinha Livro de visitas
setinha Missas em português
setinha Promoções telefônicas
setinha Revista
setinha Turismo
setinha Viagem de menores
setinha Vídeos
Press award

COLUNAS
Diversas - Espaço reservado para publicação de textos de colunistas esporádicos. Quer contribuir com um texto? Basta enviá-lo para ser analisado pela nossa editoria que dentro de poucos dias você terá a resposta se foi aprovado para publicação.
 
Resposta ao governo da Turquia
 
Data: 14/03/2017
 

por Cristina Oliveira

 

Eu moro na Holanda e tenho duas outras nacionalidades. Quando estou aqui incorporo as regras, cultura e identidade da Holanda! Meus amigos aqui são holandeses. Eu leio livros e jornais holandeses e assisto programas locais. Eu procuro fazer do idioma holandês o meu próprio idioma. E eu me sinto totalmente bem vinda e feliz. Que país livre e democrático. Uma delicia! E eu não tenho necessidade nenhuma de que um ministro do Brasil ou dos Estados Unidos venha até aqui para que eu lhes dê meu voto.
 
Quando eu vou para os Estados Unidos, embora nesse momento não seja a mais satisfeita das americanas, me sinto imediatamente em casa assim que desço do avião. Lá tenho amigos americanos e família. Leio livros e jornais em inglês e assisto à programas locais na televisão. Falo inglês e incorporo a cultura, regras e identidade americana. Às vezes me irrito, mas tenho consciência da minha posição. E está tudo bem. Acharia um absurdo se um ministro holandês ou brasileiro fosse para os Estados Unidos fazer campanha em busca do meu voto.
 
Quando vou para o Brasil, me torno super feliz e sentimental. Sim, lá me sinto realmente em casa. Chego achando tudo meio bagunçado, é verdade! Mas assim é o Brasil, meio bagunçado e aconchegante. Como se torna fácil de repente falar o idioma e me sentir super inteligente. Uma delicia!
 
E lá também tenho amigos e família. Eu leio livros e jornais em português e assisto à programas locais. E me sinto totalmente em casa.
 
E novamente acharia um absurdo que um ministro americano ou holandês fosse para o Brasil atrás do meu voto. 
Nasci no Brasil e tenho muito orgulho de ser brasileira. Mas não sinto nem mais ou menos orgulho pela Holanda ou pelos Estados Unidos. 
 
Simplesmente me sinto em casa, seja em qual dos países estiver. Uma delicia!
 
Resposta ao governo da Turquia que acha que tem o direito de vir para a Holanda fazer campanha política em prol de um governo autocrata.
 
Share
 
Comente a coluna
Comentários



Maria helena - 24/03/2017
Concordo em genero,numero e grau. Muito bem avaliado!

Jani Morales - 18/03/2017
Você é uma pessoa feliz e educada. Concordo contigo, respeito é tudo.
Relacionadas:
    Não há colunas relacionadas

 

Siga-nos Facebook Twitter Orkut
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
Revista:
revista

Video:


 
Importante: Todas as colunas são de única e exclusiva responsabilidade dos seus autores, não refletindo a opinião dos mantenedores deste portal.
setas
Site criado e mantido por Marcia Curvo.Todos os direitos reservados. Reprodução proibida ©2010.
Para anúncios ou sugestões entre em contato conosco por e-mail.
Telefone: (31) (0)6 18 200 641