Faça do Brasileiros na Holanda a sua página inicial
Anuncie Aqui Anuncie Aqui
logo banner
 Clima   Traffic  moeda positivo Como anunciar
setinha Aprenda Holandês
setinha Classificados
setinha Como chegar
setinha Entrevistas
setinha Ferias escolares
setinha Forum de discussão
setinha Indique o site
setinha Integração Civil
setinha Livro de visitas
setinha Missas em português
setinha Promoções telefônicas
setinha Revista
setinha Turismo
setinha Viagem de menores
setinha Vídeos
Press award

MANCHETES
 

02/03/11 - Governo gasta R$ 22 milhões a mais com diárias e passagens neste ano

Fonte:

Os funcionários do governo vão viajar menos neste ano. A afirmação partiu dos ministros Guido Mantega (Fazenda) e Miriam Belchior (Planejamento), que decidiram reduzir os gastos com diárias e passagens na administração pública federal pela metade. Nas áreas de fiscalização o corte seria menor, de 25%. Na prática, no entanto, mesmo com a intenção de limitar os gastos, já chega a R$ 158,7 milhões a quantia paga com hotéis, refeições e táxis para servidores civis e militares, conselheiros e colaboradores eventuais, apenas nos dois primeiros meses do ano. Assim, a quantia gasta por dia ultrapassa a casa dos R$ 2,7 milhões.

No ano passado, a cifra paga com diárias e passagens, no primeiro bimestre, foi de R$ 136 milhões, portanto, 17% inferior ao volume já desembolsado em 2011. Em termos nominais, gastou-se R$ 22,6 milhões a mais neste ano. Desta forma, o corte nas diárias e passagens ainda não significa um grande ajuste fiscal se comparado à meta de redução pela metade.

Além dos valores já pagos neste ano, restam R$ 173,4 milhões a serem quitados, referentes às despesas contraídas ainda na gestão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A dívida maior é com o pagamento de passagens e despesa com locomoção. Só neste item, o governo deve R$ 163,3 milhões. O saldo de despesas de anos anteriores e não pagas – conhecida como restos a pagar no jargão orçamentário –, foi menor em 2010. Nos primeiros dois meses daquele ano foi registrada a quantia de R$ 142,6 milhões em contas pendentes.

Continue lendo...

O Ministério da Educação é o órgão que mais fez uso, neste ano, da cota de diárias e passagens – R$ 24,3 milhões. O valor representa aumento de 35% ante os R$ 18 milhões pagos no mesmo período do ano passado. O Ministério da Defesa, em segundo lugar, utilizou R$ 19,7 milhões com hospedagem em hotéis e com o translado em 2011, crescimento de 55% se comparado aos R$ 12,7 milhões desembolsados em 2010 O Ministério da Justiça desembolsou R$ 17,2 milhões neste ano, ocupando o terceiro lugar da lista, entre os órgãos que mais gastaram com diárias e passagens. Nos dois primeiros meses de 2010, o gasto com os itens chegou a quase R$ 13 milhões. Mas foi no Ministério das Relações Exteriores que os gastos mais cresceram, passaram de R$ 3,3 milhões em 2010 para R$ 12,5 milhões neste ano, um aumento de 279%.

A Presidência da República, por sua vez, usou R$ 9,4 milhões para pagar despesas com diárias e deslocamentos. No ano passado, o custo foi menor, cerca de R$ 8,9 milhões.  

 

Share

Mais manchetes

 

   

 

Siga-nos Facebook Twitter Orkut
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
Revista:
revista

Video:


 
Importante: Todas as colunas são de única e exclusiva responsabilidade dos seus autores, não refletindo a opinião dos mantenedores deste portal.
setas
Site criado e mantido por Marcia Curvo.Todos os direitos reservados. Reprodução proibida ©2010.
Para anúncios ou sugestões entre em contato conosco por e-mail.
Telefone: (31) (0)6 18 200 641