Faça do Brasileiros na Holanda a sua página inicial
Anuncie Aqui Anuncie Aqui
logo banner
 Clima   Traffic  moeda positivo Como anunciar
setinha Aprenda Holandês
setinha Classificados
setinha Como chegar
setinha Entrevistas
setinha Ferias escolares
setinha Forum de discussão
setinha Indique o site
setinha Integração Civil
setinha Livro de visitas
setinha Missas em português
setinha Promoções telefônicas
setinha Revista
setinha Turismo
setinha Viagem de menores
setinha Vídeos
Press award

MANCHETES
 

07/04/11 - Estudo mostra que bagunça aumenta estereótipo

Psicólogos holandeses descobriram que pessoas tendem a ser mais preconceituosas em locais desordenados ou sujos

Fonte:

Quanto mais bagunçado um local, maior a tendência ao preconceito de seus frequentadores. Pode parecer que uma coisa não tenha nada a ver com a outra, mas a desordem gera preconceito,  segundo um estudo feito por dois psicólogos holandeses.

A dupla realizou dois experimentos de campo e três estudos de laboratório para chegar a esta conclusão. “De uma certa forma estávamos esperando os resultados que obtivemos, mas ficamos surpresos de ver que os efeitos são tão fortes e consistentes. Achávamos nossas ideias provocativas e arriscadas pois as pessoas não 'sentem' conscientemente a desordem ou ordem com as quais as confrontamos. Se você perguntar a elas se estão cientes do que a situação/ambiente faz com elas a resposta é não.”, explicou ao iG Diederik Stapel, um dos autores do estudo da Universidade de Tilburg, na Holanda. 

Continue lendo...

Share

Mais manchetes

 

   

 

Siga-nos Facebook Twitter Orkut
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
publicidade publicidade
Revista:
revista

Video:


 
Importante: Todas as colunas são de única e exclusiva responsabilidade dos seus autores, não refletindo a opinião dos mantenedores deste portal.
setas
Site criado e mantido por Marcia Curvo.Todos os direitos reservados. Reprodução proibida ©2010.
Para anúncios ou sugestões entre em contato conosco por e-mail.
Telefone: (31) (0)6 18 200 641